header


Toda criança é capaz de criar: Orff Schulwerk

Publicado em: 24/03/2022

Toda criança é capaz de criar: Orff Schulwerk

 

Carl Orff foi um professor, maestro , compositor, pensador alemão que faz parte da primeira geração dos grandes mestres da educação ativa, juntamente com Emille Jacques Dalcroze, Zoltán Kodály e Edgard Willems. Seus princípios pedagógicos influenciam fortemente, os educadores musicais do mundo inteiro.

Para Orff, a música elementar oferece oportunidades para vivências significativas, contribuindo para o desenvolvimento da personalidade do indivíduo. Na prática, a música cantada, dançada e tocada pela criança , insere os elementos da linguagem, da música e do movimento entendidos como unidade, abordados de forma conjunta e acrescidos pela improvisação.


"A música elementar nunca é apenas música. Está ligada a movimento, dança e fala e por isso é uma forma de música em que se deve participar, em que se envolve. As crianças geralmente não gostam de estudar, mas gostam de jogar. Se você tiver seus interesses no coração, você as permitirá aprender enquanto jogam"- Carl Orff
 

Veja na prática , uma atividade que fiz com meus alunos, utilizando princípios desta abordagem maravilhosa. Etapas da experiência musical:

1. Para o processo ser divertido e prazeroso, as crianças primeiro ouviram uma história baseada na letra da canção .

2. Depois , exploramos juntos o pulso, ostinato e as frases , caminhando, batendo palmas ou com brincadeira de mão em dupla e pulando no final de cada frase (vivência corporal).

3. Então, substituímos os movimentos com o corpo, por lenços, stretch band e esferas para explorarmos os aspectos rítmicos já trabalhados anteriormente com sons do corpo e com a voz (brinquedo projetivo).

4. Por fim, tudo que já havia sido vivenciado através do corpo, gestos, movimentos, foram aplicados nos instrumentos.

Desta forma, o contexto se torna rico de estímulos e divertido, onde facilmente a criança aplica no instrumento sem precisar de muito ensaio, e tudo isso , através da brincadeira, pois o contexto e o processo são tão importantes quanto conteúdo. 

Segue o link do vídeo com o resultado - CLIQUE AQUI

 

Essa abordagem foi desenvolvida na Alemanha, pelo educador musical Carl Orff (1895-1982) com contribuições de seu amigo Gunild Keetman (1904-1990). Muitas experiências envolvem técnicas com imitação, utilizando ecos rítmicos, melódicos, ostinatos, chamado e resposta, cânones.

 
 

 


 

Além do trabalho com a voz e com o movimento, a Abordagem Orff Schulwerk valoriza e incentiva o trabalho com os instrumentos musicais de percussão miúda (pandeiros, clavas, maracas, ganzás, caxixi, triângulos, tambores, etc) e instrumentos de percussão melódicos, como os xilofones, metalofones, glockenpiels, etc.

Neste trabalho com instrumentos, o professor utiliza com seus alunos, os bordões, melodias pentatônicas e ostinatos. A utilização dos instrumentos vem associada a atividades com o corpo e a voz, para tornar o processo mais lúdico e significativo para as crianças, como podemos perceber assistindo o vídeo abaixo:

 


Durante o período de sensibilização para os elementos musicais, as crianças são convidadas a criarem e improvisarem, utilizando por exemplo a escala pentatônica de C. Basta tirarmos as notas Fa e Si, que a criança já poderá criar pequenas melodias. Obviamente, quanto mais a criança tiver vivenciado os elementos musicais, mais interessantes poderão ser as frases musicais criadas, porém toda iniciativa de criação é valorizada, por mais simples que seja.

Alguns princípios desta maravilhosa abordagem:

- Orff Schuwerk significa dançar, tocar, falar, cantar através de vivências que envolvem exploração, improvisação, imitação e composição;
- Utiliza-se muitas danças folclóricas tradicionais para estimular o movimento criativo;
- A criança é vista como potente para criar;
- Foco no fazer musical coletivo para o individual;
- A utilização dos instrumentos está associada a atividades com a voz, com o corpo, pois segundo Orff, deve -se praticar a música de forma ativa, ligada ao movimento, dança, fala, do corpo para o instrumento;
- Desde o princípio, as crianças já participam de atividades que valorizam as experiências envolvendo o fazer musical , através da imitação, improviso e a criação, de forma orientada e progressiva.

O objetivo é promover a aprendizagem musical através da exploração, criação e participação ativa a partir dos elementos musicais vivenciados através da voz, do corpo e dos movimentos, começando de tarefas mais simples às mais complexas, de acordo com a faixa etária e vivência musical anterior dos alunos. As práticas musicais , todas as iniciativas e contribuições por parte das crianças são valorizadas.

"Experiência primeiro. Então intelectualize"- Carl Orff

Atualmente, a Associação Orff Brasil é referência de estudo e oferece diversas formações para educadores que se interessam em trabalhar com a proposta pedagógica de Orff.

Para mais informações sobre a Associação Orff Brasil, CLIQUE AQUI 
Para saber mais sobre essa maravilhosa abordagem, CLIQUE AQUI 
Sobre as obras de Carl Orff - CLIQUE AQUI

Quero te convidar a conhecer meu Instagram profissional, onde compartilho dicas de professor para professor: @debora.cantinhodamusica



Abraços musicais,
Prof. Debora Munhoz Barboni






Copyright© 2022 Cantinho da Música. Todos os direitos reservados